The Olympians Read Percy Jackson: LT

Gênero: Humor / Família

Censura: T (mais para segurança do que qualquer outra coisa)

Emparelhamento (s): Eu não sei ainda, mas haverão muitos!

Resumo: O que aconteceria se os deuses lessem os livros antes que eles conhecessem Percy? Alguns deles podem estar diferentes do livro e eu peço desculpas. (Se você sente que eles estão, me diga o que você acha que eu poderia fazer para torná-los mais como os personagens originais.)

Tempo: Começa no dia em que Thalia é transformada em árvore. Então Percy tem 7 anos.

Disclaimer: PJO pertence a Rick Riordan e "The Olympians Read Percy Jackson: LT" é de Avvithespaz.

Aviso (s): Obviamente contêm spoilers dos livros.

Prólogo: Monte Olympus recebe uma carta

"COMO ASSIM VOCÊ QUEBROU O JURAMENTO? VOCÊ FOI O ÚNICO QUE SUGERIU ISSO!" Isto foi o rugido de raiva que encheu Olympus neste belo dia. Hades estava aqui, devido ao fato de que Zeus teve uma filha, e louco era um eufemismo para saber como ele (Hades) verdadeiramente se sentia. Aqui estava ele, sendo fiel ao acordo, e lá vai Zeus, sendo controlado por seu desejo, nada havia mudado!

"HADES! VOCÊ NÃO VAI FALAR COMIGO DESTE JEITO! Não depois de..." Zeus curvou a cabeça, ele parecia um pouco triste "... não agora." O rei dos deuses, suspirando, caiu sobre seu trono.

"Paz, irmãos." Poseidon disse calmamente, um sorriso enfeitando os seus lábios.

"Ora, irmão, por que isso parece te agradar tanto?" Héstia perguntou docemente do seu lugar cuidando da lareira.

"Héstia, minha querida, eu ganhei a aposta. Meus sobrinhos estarão, tentando, fazer meu trabalho pelas próximas semanas, e eu vou tirar umas férias tão necessárias." Poseidon disse parecendo ansioso.

"Que aposta?" Hades e Zeus exigiram.

"Aparentemente, Apolo e Hermes tinham feito uma aposta sobre quem iria quebrar o juramento primeiro. Eu pensei que eram apenas os dois idiotas, mas parece que o tio se juntou à loucura." Athena informou o pai dela.

"Então você apostou contra mim, irmão?" Zeus disse levantando-se, a raiva irradiava nele.

Poseidon riu: "Irmão, você é quem tem a tendência de - como é que os mortais dizem? - não ser capaz de mantê-lo em suas calças." Um sorriso presunçoso apareceu no rosto do deus do mar.

"Vocês dois!" Hades chamou seus sobrinhos, "Quais foram as suas apostas?"

"Bem, pai, tio, eu pessoalmente achei que o tio Poseidon seria o primeiro a quebrar. Quero dizer, com todas as mulheres bonitas que se aglomeram na fronteira de seu reino... Como ele poderia resistir?" Apolo disse. Ele só parecia levemente decepcionado com sua perda.

"Perdoe-me, tio Hades, mas eu acreditava que você seria o primeiro a quebrar. Eu realmente não queria que o pai fosse o primeiro, já que entristeceria a minha querida madrasta. E eu também não achei que o tio Poseidon quebraria." Hermes disse ao conselho com uma voz doce, exceto a parte sobre Hera, na qual todos puderam ouvir o veneno que estava em sua voz quando ele disse "querida madrasta". Com toda a honestidade, ele não poderia se importar menos se ela estava triste.

Todo mundo sentou em silêncio, até que Hades trouxe o fato de que, agora, a filha de Zeus era uma árvore. Que deu início a uma nova rodada de discussão. Zeus discutindo com Hades e Hera, enquanto Poseidon ria no fundo, ocasionalmente jogando falando algo para incentivar a briga. Isso tudo durou cerca de duas horas, e os outros estavam ficando entediados. Agora, os quatro estavam repetindo seus argumentos pela terceira vez.

Hermes sentiu uma presença entrar no seu saco, o que era estranho, ele sempre fazi com que seus pacotes não chegassem quando ele estava no conselho. Perdendo para sua curiosidade, ele enfiou a mão no saco. Ele pegou um pacote. Era uma caixa de tamanho médio, um pouco pesada, ele a virou e olhou para o endereço:

Os Deuses

Monte Olimpo

600 andar,

Empire State Building

New York, NY

Com os melhores cumprimentos,

O vosso futuro

Isto fez o olhos de Hermes alargarem. Ele olhou para o pai, a madrasta e os dois tios, discutindo, ele realmente não queria que a atenção se voltasse para ele, mas tudo bem.

"Eu tenho um pacote..." Ele foi cortado por sua madrasta

"HERMES? Pensei que nós dissemos-lhe para desligar a sua bolsa idiota enquanto você está no conselho! Nós estamos tendo uma discussão importante e você está aqui... " Felizmente, sua voz estridente foi cortado por seu tio favorito.

"Tenho certeza de que ele entendeu, irmã, mas eu duvido que ele iria interromper-nos se o pacote não fosse importante. Estou certo, Hermes?" Poseidon disse, ele parecia quase aliviada por estar fora da discussão, ou pelo menos por fazer uma pausa.

"Eu, bem, eu acho que é importante. É dirigida a todos nós, quem mandou foi, bem, os nossos eus futuros?" Hermes estava nervoso vendo como Hades estava parecendo assassino, e ele não queria passar um tempo no Tártaro por interrompê-lo.

"Nossos eus futuros?" Apolo parecia muito animado. Era por isso que Apolo era o irmão favorito de Hermes "Oohhhh! Me dá, me dá, me dá!" Ele disse que quase arrancando a caixa das mãos de Hermes.

"Nossos eus futuro?" Athena ecoou Apollo, mas, ao contrário dele, ela estava cética.

"Oh, pare Athena, eu sinto que não há mentiras nesta caixa, e, no caso de você ter esquecido, eu, Febo Apolo , sou o Deus da verdade . Assim, saberia se isso fasse uma brincadeira ou uma mentira, e eu decreto que não é. Então, vamos abri-lo. " Ele terminou seu discurso, o que foi feito na sua voz "eu sou mais divino do que você é", ou como ele chama a sua voz "eu sou muito mais incrível do que você". Ele sorriu e começou a abrir a caixa. Todos rolaram os olhos em seu comportamento, Hermes e Poseidon riram baixinho com a excitação de Apolo.

"LIVROS ? " Apollo agora parecia arrasado.

"VOCÊ DESPERDIÇOU O MEU TEMPO COM LIVROS? EU ESTAVA PRESTES A DIZER O ARGUMENTO QUE IA GANHAR A DISCUSSÃO!" Hades berrava com Hermes, que foi inteligente o suficiente para ir e se esconder atrás de seu pai.

"Que tipo de livros, Apolo?" Artemis olhou por cima do ombro de seu irmão gêmeo.

"Umm .. Percy Jackson e os Olimpianos: O Ladrão de Raios , Percy Jackson e os Olimpianos: O Mar de Monstros , Percy Jackson e os Olimpianos: A Maldição do Titã , Percy Jackson ... " Ele foi cortado por Ares

"NÓS ENTENDEMOS! Todos eles começam com Percy Jackson e os Olimpianos! LEIA AS PARTES QUE MUDAM!"

"Bem, tudo bem, então... A Batalha o labirinto, e O Último olimpiano." Apollo acabado, não muito satisfeito que Ares o interrompeu. Ninguém pareceu perceber como Poseidon tinha empalidecido.

"Ah, olha, eles deixaram um bilhete." Ártemis disse agarrando-o.

"O que diz?" Afrodite perguntou.

"Bem, vamos ver, Afrodite, eu não li a nota, eu estava prestes a ler, por que você faz perguntas sem sentido? Diz:

"Caros olimpianos do passado,

Este sou eu, Febo Apolo, e meu irmão Hermes aqui. Acabamos de conseguir os mitos de um dos nossos semideuses favorito, Percy Jackson, filho de... 'Oh, parece que Hermes assumiu a escrita a partir daqui" Ártemis observou divertida enquanto Apollo fez beicinho." Vocês vão descobrir quem é seu pai olimpiano quando vocês lerem os livros. Nós pensamos em enviá-los para vocês, realmente, para o nosso próprio divertimento, e para Atena não nos fazer pirar. Se as mudanças futuras forem muitodrásticas, ou demasiado perigosas, vamos inverter o processo e fazer com que todos se esqueçam que vocês já leram esses livros. No entanto, nós encorajamos vocês a não fazer nada. Tudo acaba bem no final. Então, por favor, não mudem coisa alguma.

Com o amor do futuro,

Hermes (e Apollo) "

"Veja, Hermes e eu somos tão incríveis!" Apolo disse sorrindo e seu meio-irmão revirou os olhos em diversão.

"Bem, agora eu estou curiosa, eu gostaria de ler os livros. Todos a seu favor." Atena declarou, levantando delicadamente a mão dela. As mãos de Hermes e Apolo foram as primeiras a serem levantadas, e o resto (mesmo Héstia que estava sentada cuidando do fogo) levantou as mãos em conformidade. Athena continuou: "Bem, então todos concordam. Vou ler primeiro, Apollo me passe o primeiro livro." Apollo fez o que ela pediu e passou-lhe o livro. Ela encontrou a primeira página do primeiro capítulo e limpou a garganta.