Eu adoro o casal SasuHina, e é a primeira vez que eu escrevo uma fic, espero que ALGUEM leia, né, mas não tenho tantas esperanças, hehe. Nem sei porque estou escrevendo isso… Bem, divirta-se, espero que goste.

" " é o pensamento de alguém, geralmente de Sasuke neste capitulo e talvez de Hinata também e eventualmente de outros personagens.

Disclaimer: Naruto e nenhum personagem do anime/manga não me pertencem, eles são da autoria de Masashi Kishimoto.

Aqui vai:


Capitulo 1

-Sasuke, querido! Está pronto? –Gritou Mikoto Uchiha.

-Sim, mãe. É o Itachi que está demorando. –Respondeu um garoto de cabelo espetado preto chamado Sasuke Uchiha. Itachi era seu irmão mais velho, e seu pai era Fugaku Uchiha.

-Você vai fazer o que eu pedi? –Perguntou a mãe do garoto, apreensiva.

-Já disse que sim! –Disse Sasuke, levemente irritado. Já não era o suficiente acordar cedo, agora teria que acompanhar a nova vizinha apenas porque sua mãe virara amiga da mãe dela. Ainda mais se QUANDO ela se apaixonar por ele, ela for tão doida como certas garotas, sua mãe lhe deveria muito.

"Tomara que este ano ele comece a sair com alguma garota ou traga amigos para casa!" Pensou Mikoto, preocupada com a vida social do filho, a qual ela não conhecia nada e estava extremamente curiosa. Mikoto era amiga da mãe de Sakura Haruno, uma garota da idade de Sasuke e que era amiga deste. A dona de casa se perguntou se ele estaria interessado em alguma garota...

-Peraí mãe, estou terminando de me arrumar! –Respondeu Itachi.

-Já vou indo. Vou esperar pela filha da sua amiga na frente de casa. -Sasuke saiu da casa com sua mochila e pouca paciência.

Enquanto esperava a garota sair de casa, ele estava olhando o céu azul manchado de suas nuvens de um branco não tão branco.

"Droga de irmão, droga de escola, droga de despertador que me acordou e me deixou nesse humor de..."

-S-s-sasuke? –Sussurrou uma voz doce. –V-você é S-sasuke U-uchiha?

Ele se virou para ver uma garota de cabelos longos pretos, que mais tarde ele descobriria que eram cor índigo. Ela usava um casaco grande que escondia grande parte de seu corpo. Ele observou seus olhos cor de... A Cor dos olhos da garota o fez pensar nas nuvens. Cor de nuvem.

-Sou, você é a Hinata Hyuuga?

-S-sim. –Ela disse sorrindo timidamente. "Ela gagueja bastante." pensou Sasuke.

-Vamos, se não vamos chegar atrasados.

A garota assentiu e ambos foram para o começo de um novo ano na Konoha High School em Tókio.

Ela observou o garoto em sua frente. Ele era mais alto que ela, seu cabelo era preto e assim eram seus olhos quando ele olhou nos dela. Indecifráveis. Ele era lindo, pensou Hinata.

-Quantos anos você tem? –Perguntou Sasuke, tentando ser amigável, apesar dele não olhá-la diretamente e ela estar a alguns passos atrás dele.

-Qui-quinze, e-e v-você? –Respondeu Hinata gaguejando e corando um pouco, por ser interrompida bem naquele pensamento.

-Quinze também. Imagino que talvez estejamos na mesma classe. –Depois disso andaram em silencio.

Ao avistarem a escola, um garoto loiro de olhos azuis e usando um casaco laranja veio em direção aos dois.

-Sasuke! –Berrou o garoto! –Como foram as férias? Será que vamos estar na mesma classe?

-Naruto, acalme-se. –Disse Sasuke suspirando. –Essa é a Hinata. –Só então o loiro notou a garota:

-Oi! Eu sou o Naruto... Peraí, Hinata? É você mesmo?

-N-naruto-kun? O-oi! N-não sabia que vo-você es-estudava a-aqui... –Ela disse e corou muito enquanto gaguejava cada vez mais. Sasuke não notou pois estava surpreso de saber que eles se conheciam.

-Vocês se conhecem? De onde?

-Nos encontramos num acampamento de verão neste verão, agora. Espera um momento... Você é a namorada do Sasuke? –À exclamação de Naruto, Hinata corou e balançou a cabeça. Sasuke apenas deu um tapa na cabeça de Naruto com força.

-N-não, so-somos vizinhos. –Ela abaixou e corou mais. Naruto coçou a parte de trás de sua cabeça (onde fora acertado), sorrindo.

-Ah. –"Olha o que você fala, seu tapado!"

-Pare de fazer conclusões precipitadas! Agora vamos, Hinata. Vou te mostrar a escola e ver em que classe você está. -Ele a puxou pelo braço antes que Naruto o deixasse irritado. Ele estava com preguiça de lidar com o loiro.

-O-ok. –Ela disse timidamente ao forte puxão de Sasuke, o que ele estava fazendo?

Entraram pelos portões da escola Konoha. Assim que passaram, muitos olhares se pousaram sobre eles. 'Wow! Quem é essa garota?', 'Ela é linda!', 'Carne nova!', 'Como será debaixo daquele casaco?' Hinata olhou apenas para o chão, seguindo Sasuke e corando cada vez mais.

"Que saco, eles não tem outra coisa para fazer? Mas agora que comentaram..." Ele olhou para a Hyuuga com olhos criticos. Ela até que era mesmo bonitinha. Seu cabelo era longo e ela tinha uma franjinha. Seus olhos eram brancos, assim como sua pele era bem pálida. Mas o que ele poderia dizer? Ele também tinha uma pele bastante branca.

Começaram a ouvir outras exclamações como 'Quem é essa garota?' 'Por que essa estranha está andando com o Sasuke?' 'Sai de perto dele, ele é meu!'. Sasuke suspirou, se lembrando de suas fãs loucas que não o deixavam em paz. Bem, pelo menos elas faziam bem ao seu ego talvez grande o suficiente para ser um defeito, assim como seu orgulho.

-Pelo visto você está na minha classe, então vamos. Depois eu te mostro o resto da escola.

-Cl-claro –Disse ela. "Será que ela não para nunca de gaguejar? Ainda bem que ela não é de falar muito!" Pensou Sasuke ao entrar na sala 102.

-SASUKE! –Berrou uma voz femenina. "Mais uma?". Braços se agarraram ao pescoço de Sasuke e cabelos rosas bateram no rosto do garoto. –Estamos na mesma classe não é maravilhoso?

-Oi, Sakura. –Disse ele tirando ela de cima. –Com licença.

-Deixa ele em paz que ele é meu testuda! –Disse outra voz feminina.

-Sai daqui Ino Porca!

A loira de olhos azuis encarava uma rosácea de olhos verdes enquanto um Sasuke puxava uma Hinata encabulada para longe da dupla louca.

-Desculpe por isso.

-N-não tem p-problema. O-obrigada por me ajudar até agora. –Disse Hinata baixinho. "Quantas garotas gostam dele? Ele é muito popular!" Pensou a Hyuuga enquanto se sentava na carteira do fundo, ao lado de Sasuke.

Um homem de cabelo cinza espetado e com uma máscara sobre a boca e sobre o olho entrou na sala de aula, segurando um livro que não parecia ser para menores de 18 anos.

-Olá, eu sou Kakashi Hatake. Serei o professor principal de vocês. Vocês já se conhecem entre si, mas temos uma nova aluna. Hinata Hyuuga. Por favor levante-se e apresente-se.

Hinata levantou-se hesitantemente e olhou para Sasuke, seu único apoio ali. Ele apenas olhou de volta: "Ótimo, ela já deve estar caída por mim." Ele pensou de brincadeira, se lembrando do comentário de Naruto.

-E-eu sou Hinata Hyuuga. V-vim de Nova York mo-morar aqui em To-Tokio.

-To-tókio! –Alguém zombou da gagueira de Hinata. Até Sasuke que não costuma se importar com o que os outros fazem achou isso muito malvado. Ela não tinha feito nada. Ele pode ver Hinata abaixar a cabeça com vergonha e tristeza. Ele sentiu pena dela e se reprovou por ter achado a gagueira irritante, ele podia ser várias coisas, mas não malvado.

Kakashi assumiu um tom sério: -Se alguém quiser fazer um comentário desse tipo, que se dirija a sala da diretora Tsunade. –E sorrindo por trás da mascara disse: -Seja bem-vinda Hinata e espero que se saía bem aqui. –Ela se sentou e assim Kakashi explicou como funcionaria o ano.

-Sasuke! –Disse Naruto, baixinho.

-Que é?

-Você vai comer com agente no almoço? Estou pensando em comer com a Sakura.

"Por que ele está perguntando isso? É a mesma coisa já faz quatro anos! Eu sempre sento com ele e Neji e quem mais estiver, caramba!" Mas antes que Sasuke pudesse responder em voz alta, Kakashi disse:

-Sr. Uchiha, espere até o sinal tocar para conversar. Se não puder esperar, Tsunade ficara feliz em ajudá-lo.

"Mas era Naruto que estava conversando! Ah, que saco! Já consegui fazer um professor pegar no meu pé em menos de meia hora. Parabéns Sasuke!" Pensou o Uchiha e considerou como seria o resto do ano com Kakashi como inimigo. "Ótimo, o prof mais sacana. Você sempre acerta o maior lote!"

-FINALMENTE! Comida! –Berrou o escandaloso Naruto. Para ele, umas horas sem comer é muito.

-Aqui é a cantina. É só pegar a bandeja, entrar na fila e escolher entre as opções do dia.

-Ah. O-obrigada. –Agradeceu Hinata ao Sasuke, corando. "Ela está corando por minha causa?", se perguntou ele ao ver a vermelhidão, e sorriu a esse pensamento. Nunca vira uma garota agir assim. As garotas em torno dele eram mais escandalosas, ele achava isso tão... inocente.

-Sasuke, vem comeeeer comigoooo! –Sasuke virou-se pensando em como rejeitar o convite, mas ao ver Naruto e Neji, (seus melhores amigos), sentados com Sakura, Ino, Temari, Tenten e Shikamaru, ele suspirou pela quarta vez este dia e sentou-se lá.

-Então, quem é a esquisitona que estava colada em você hoje? –Perguntou Sakura, se referindo a Hinata. Sasuke deduziu que foi ela quem debochou da nova aluna na aula. Ele se virou para procurá-la e oferecer-lhe lugar, pois ele sabia como era difícil o almoço quando não se conhece ninguém. Bom, ele não sabia, mas podia imaginar. O problema é que ela tinha sumido.

-Ela é minha vizinha. –Respondeu Sasuke de maneira entediada.

-E por que voce está sendo tão legal, teme? Quer dizer, ela é super legal e seria mó divertido ter alguém novo pra ficar com agente. Mas você nunca falou ESPONTANEAMENTE à algueeeeeem. –Naruto sorriu maliciosamente na última palavra.

-Cala a boca, baka. Minha mãe é amiga da mãe dela, então ela quer que eu seja amigo. Não tenho segundas intenções, nem primeiras.

-Mas, me pergunto o que será que ela esconde debaixo de um casaco tãaaaao grande... –Naruto disse sem pensar no que sua frase parecia ser.

"Você não passou o verão com ela pra saber, seu baka!" Cada dia Sasuke se impressionava cada vez mais com a idiotice de Naruto.

-NARUTO! Se você está se referindo à minha prima, você é um homem MORTO! –Berrou Neji.

-D-desculpa Nej- Naruto foi interrompido por duas pessoas.

-ELA É SUA PRIMA? –Gritaram surpresos tanto Tenten quanto Sasuke.

-Ah é! Eu tinha esquecido de falar para vocês. –Disse Neji, se acalmando e com a cara 'me desculpem'. –Ela se mudou para cá com a família e eu devo protegê-la por ela ser a herdeira das Companhias Hyuuga.

-Companhias Hyuuga... Por isso o nome dela me parecia tão familiar! –Exclamou Ino.

-Então temos uma riquinha metida na escola. Ótimo. –Disso Sakura com desgosto.

-Você podia dar uma chance a ela, ela não parece má pessoa. –Disse Tenten. –E sussurrou no ouvida da loira e da rosácea: Não digam muito, Neji pode ficar bravo!" E ela piscou para o citado, surpreso.

Sasuke estava começando a pensar que essa garota não terá vida fácil aqui se depender dessas garotas.


-Onde fica a biblioteca mesmo... –Hinata pensava, tentando se lembrar do lugar que Sasuke lhe mostrara antes do refeitório/cantina. –Acho que era no final do corredor...

Três garotos passavam pelo corredor nessa hora. Um tinha cabelos ruivos e um kanji tatuado na testa e olhos verdes, outro usava óculos escuros e um casaco branco com gola bem alta e o ultimo tinha triângulos na bochecha apontando para baixo e um cachorro no cabelo moreno espertado.

-Hey! Você é a garota nova! –Disse o do cachorro.

-O-oi.

-Eu sou Kiba! O de óculos é o Shino e o ruivo é o Gaara. –Os olhos de Hinata pararam neste ultimo que nem a olhava.

-Pra-prazer. O-onde fica a bi-blioteca?

-Só virar no corredor. –Respondeu Shino, sombriamente.

-O-obrigada. –Ela começou a ir embora quando alguém segurou seu braço, surpreendendo-a.

-Você não vai comer?

-N-não estou com muita fome. –Ela se soltou delicadamente e correu.

-Deixe-a Kiba, ela é muito tímida. Espere um pouco e depois falamos com ela. –Disse Shino. "Que linda!" Pensou Kiba, e não parecia ser o único interessado, Gaara também olhava o espaço por onde ela passou.


-Queridos alunos! Este ano vou fazer a força da juventude de vocês florescer com toda sua força! –Gritou Maito Gai, o professor de esporte. Ele usava um collant verde esquisito e tinha sobrancelha do tamanho de três taturanas juntas, além de um corte de cabelo forma tigela perfeito.

-Sim senhor! –Berrou Rock Lee, fiel seguidor de Gai e apesar de não haver parentesco, estranhamente parecido com este e usando a mesma roupa ridícula.

"Ótimo, este vai ser um ótimo ano. Meu professor principal já vai pegar no meu pé e nosso prof de esporte é um completo esquisitão." Pensou Sasuke. Ele procurou pela garota nova. Ele não a vira almoçando e se perguntava onde ela estava. "Hunf, isso não quer dizer nada. Só estou sendo um bom filho e ajudante."

Ele a viu saindo do vestiário feminino com o uniforme esportivo feminino (um short muito pequeno e uma blusa branca apertada, para a alegria dos garotos) e seu queixo caiu. E ele não foi o único. Pouco à pouco, os garotos e alguma garotas olharam na direção de Hinata. Ela tinha um corpo lindo por trás das calças largas e casaco grande! Suas pernas alvas eram torneadas e seus seios eram fartos (os quais ela tentava esconder mantendo suas mãos em frente ao peito de forma defensiva). No total ela tinha belas curvas e era simplesmente... linda.

Sasuke ouviu alguns barulhos de inveja atrás de si, e teve certeza que alguns eram de Sakura, pois ela era lisa como uma tabua de passar. Ele não sentia pena dela: ela era muito egoísta e malvada com todos, exceto alguns garotos, tipo ele. E ele não agüentava esse tipo de garota falsa. No começo, ele teria dado uma chance a ela, mas depois de ver como ela era de verdade com os outros...

Mas voltando: "Wow, que corpo é esse?" E Sasuke se viu concordando que o rosto da garota também era bonito para combinar, mesmo estando vermelho que nem um tomate.

"Porque eles ainda estão me olhando? Espero que nenhum deles esteja tendo pensamentos estranhos sobre mim! Ah meu deus, ele também está olhando pra cá!" Hinata podia sentir seu rosto esquentar gradualmente. O 'ele' era alguém fazia seu coração pular e que ganhara seu coração aos poucos, mas completamente. Ela nunca achara que o veria de novo.

O professor continuara falando sozinho (ou com Lee) e agora gritou:

-TODOS VOCES! Hoje vamos fazer um aquecimento de... 300 VOLTAS NO CAMPO DE FUTEBOL!

-Professor, acho que isso é muito... –Disse um aluno.

-Oh, então... 200 VOLTAS!

-Ainda muito...

-100 voltas? –Os alunos balançaram a cabeça e Hinata, suspirou aliviada por não prestarem mais atenção nela. Enfim, quase todos. Sasuke e Naruto ainda a olhavam, o primeiro mais discretamente que o ultimo.

-50? –Gai foi diminuindo graças aos protestos dos alunos. -35? 20? 15? –Ninguém disse nada, achando que tinham concordado em 15.

-Otimo, meus jovens queridos! 15 VOLTAS A TODA VELOCIDADE SEM PARAR!

-Mas Gai-sensei! 15 é muito pouco! Multipliquemos por 2! 30 voltas! –Os olhos de Lee brilharam ao fazer a matemática.

Os alunos desistiram e nem tentaram protestar. 30 voltas não era tanto assim afinal, o problema era o 'sem parar a toda velocidade'.

Durante toda a corrida, Sasuke ainda não podia tirar o corpo de Hinata de sua mente e estava feliz que Neji não estava ali para ver a cara de todos, do jeito que ele parecera superprotetor, daria uma surra em todos. Mas a cara de Naruto é que fora impagável! Ele pensou que o loiro ia começar a babar e nunca fechar a boca aberta, e pensar que ele passara o verão com ela e não vira isso. Só o baka do Naruto.

Infelizmente ou felizmente, o professor permitira que Hinata usasse o casaco durante a aula. Ela morreria de calor, mas os garotos não a olhariam daquele jeito de novo, e ela já estava acostumada.


O dia terminara normal e Sasuke mostrou o caminho a Hinata de novo, mas a cada vez que ele a olhava, (ele era mais alto que ela), não podia deixar de sentir sua orelha esquentar aos pensamentos que lhe vinham a mente: "Droga, nunca foi tão difícil me controlar antes!"

-S-sasuke! P-posso te pedir um favor? –Ela gaguejou menos agora.

-O que é? –Ele disse surpreso, a rudeza que sempre está presente em sua voz havia sumido ao falar com ela.

-V-você me ajudaria em matemática? E-eu não sou muito boa e Kurenai disse que você era o melhor aluno dela ano passado e... –Ela falava baixinho e devagar. –parece que eu estou atrasada em relação a vocês e...

-Tudo bem, sem problema. Quando quiser ver o que fizemos ano passado me avise. –Disse ele interrompendo-a.

-O-obrigada por tudo e des-desculpe o trabalho que teve em m-me mostrar a escola. –Ela estava levemente corada.

-Sua casa. Tchau Hinata, amanhã te espero aqui.

"Porque eu estou sendo tão legal com ela? Normalmente eu nem me importaria!" Pensou Sasuke, intrigado consigo mesmo. "Bom, ela É bem bonita." Pensava em quão chato seria este ano, mas quem sabe... Ele olhou para a arvore em seu jardim, não sabia que arvore era, mas estava com pequenas flores que deveriam desabrochar nos próximos dias.

"Elas não resistem ao meu charme, certo?"

Fim Capitulo 1


Enfim, este foi meu primeiro capitulo, realmente espero que alguém leia e me mande review. Se alguém ler, por favor, me avise!

Bjs...