He's Back - Chapter 3: Firewisky and... Amus Diggory?

É isso aí. James vai com a Madison (que ele gosta de chamar de Sam) para a festa de inicio das aulas, que os Marotos e eu vamos dar, é claro. Você não precisa de acompanhante, mas por que Potter ia perder a chance de convidar a Samanta, certo? Quer dizer, por que diabos ele vai sair com ela? Ela nem é TÃO bonita.

- Sai da fossa, ruiva. - alguém disse atrás de mim.

- Vou estar na fossa no dia em que você deixar de ser cachorro, Six. - respondi sem tirar os olhos do meu livro.

- Você parece estar. Quer dizer, por que outro motivo você estaria tentando aprimorar a sua habilidade de ler livros de cabeça para baixo? - disse Almofadinhas tentando tirar o livro da minha mão. Arremessei-o na cabeça dele. - Outch, Lily, isso dói.

- Quando vamos contrabandear a bebida? - perguntei.

- Ás cinco. Devia saber que você iria virar alcoólatra depois do James voltar. - Sirius suspirou. Babaca.

- Nah, comecei a beber quando percebi que eu teria que escutar você falando por mais de dois minutos.

- Demorou tudo isso? - disse Rem, sentando ao meu lado.

- Não sabia que você também bebia por minha causa, Aluado. - falou Sirius.

- Não, Almofadinhas. Te espanco três noites por mês para te aguentar. Muito mais eficiente. Devia tentar um dia desses, Lil. - respondeu Remus.

- Acho uma ótima ideia. - assenti, enquanto Sirius ia embora bufando alto. Eu e meu amigo Aluado rimos.

Continuamos conversando por um tempo, até que percebi que seu olhar era frequentemente direcionado para uma menina. Olhei bem e a reconheci. Isabella Jones, sétimo ano.

- Mas, então, Reminho, quando ia me contar da sua queda pela Isabella? - o interrompi de repente.

- Han? Eu não gosto da Jones, Lily. - disse ele corando.

- Aham, certo. E eu vou me casar com Severus Snape. - zombei.

- Péssima escolha. - Rem fez careta. - E eu não quero nada com a Isa. Mesmo.

- Então tudo bem se eu for lá dar oi pra ela, não é Rem? - Remus tentou me impedir, mas eu já tinha levantado em direção a Jones. - Oi, Isa. Como foram suas férias?

- Lily! - disse ela, se levantando para me abraçar. - Minhas férias foram ótimas, e as suas?

- Muito boas também. Mas na verdade, eu estou aqui fazendo um favor para um amigo. Isa, você já foi convidada para a nossa festa? - ela assentiu. - Então, você sabe que Remus é bem tímido e vai me matar se souber que eu fiz isso, mas por que você não procura ele por lá hoje a noite? Aposto que ele vai adorar!

- Mas, você tem certeza, Lil? - ela me olhou apreensiva. A Isa gostava do Rem desde o terceiro ano! Eles não são fofos?

- Claro que sim, Isa! - respondi sorridente. - Somos amigas e eu queria tanto que você e Rem saíssem. E que Sirius arranjasse uma namorada decente. E que James estivesse ficando com alguém menos nojenta! Mas eu só posso tentar o primeiro. Eu sei que você gosta do Remus, Isabella. E ele de você. Te vejo de noite!

Levantei saltitando e deixei uma Isa sorridente para trás. Eu adorava a Isabella. Ela não gostava muito da Katherine, mas nós sempre fomos amigas.

- O que você disse para ela, Lily Evans? - Remus parou quando eu estava indo para o retrato da Mulher Gorda.

- Agora não, Reminho. Tenho que encontrar o Six para cuidarmos da bebida. Assunto sério. Tchauzinho!

Encontrei Sirius se agarrando com uma Lufa num dos armários de vassouras.

- Larga, Sirius, temos que buscar a bebida para fazer todo mundo feliz de novo! - eu disse dramática enquanto o puxava, deixando a garota de língua para fora. Ha-ha. - Apareça na nossa festa, queridinha!

E saí puxando Sirius, que resmungava. Fomos em direção a passagem da Dedos de Mel.

- Ro! - eu disse sorrindo para a Madame Rosmerta. Madame, umpft. Como se ela não tivesse 20 anos.

- Madame Rosmerta. - disse o cachorro com seu sorriso seduzente.

- Lily! Sirius! Grande encomenda para hoje a noite. Onde vai ser a festa? - ela perguntou nos dirigindo aos fundos do bar.

- Nah, confidencial. - Sirius disse ao mesmo tempo em que eu respondi: - Campo de Quadribol.

Rosmerta ergueu as sobrancelhas e Six revirou os olhos.

- Já tem todos os feitiços de proteção prontos? - perguntou Ro.

- Dumbledore fez para mim. - respondi simplesmente.

- COMO ASSIM DUMBLEDORE FEZ, LILY? VOCÊ FOI PEDIR PERMISSÃO PARA O DIRETOR? - nossa, já mencionei aqui como o Sirius é discreto?

- Não pedi permissão. Pedi ajuda nos feitiços. E ele disse: "Boa festa, Lily! Não deixe os outros professores saberem que eu ajudei."

- E como eu não fiquei sabendo disso? - Almofadinhas continuou a me questionar.

- Fala sério, Six. Alguém tem que organizar a festa enquanto você está se agarrando pelos corredores. Bom, Rosmerta, nós já vamos. Te conto como foi! - disse saindo e puxando Sirius comigo.

~~.~~

Tirei do armário o vestido azul marinho que eu iria usar e o coloquei em cima da minha cama, junto com o sapato preto e fui para o banheiro. Eu dividia o dormitório com Alice, Carmelita de la Prata, Gabriela Fernandes e uma cama vazia. Kath. Isa dividia o outro dormitório feminino do sétimo ano com Marlene McKinnon, Victorie White, Luiza Guardiani e Georgia Sofia. Gostava de quase todas, menos da Guardiani e da Fernandes. Nojentas. Elas já ficaram com o Sirius. E com o James. A Guardiani já tentou pegar o Frank (ele e Lice já namoravam).

Saí do banheiro, botei uma calça jeans, peguei tudo que iria usar (vestido, sapato, maquiagem, acessórios). Eu iria me arrumar com a Caroline no banheiro das monitores (ela não é monitora, mas enfim).

- Oi Carol. - disse quando encontrei ela na frente da porta do banheiro. - Sapo de Chocolate.

- Lily! Adorei seu vestido. Hm, já sei o que podemos fazer no seu cabelo. A maquiagem vai ficar ótima. Vista o vestido. Lily, você é boa em feitiços para cabelos, não é? - assenti. - Acha que pode secar o meu e deixá-lo com um aspecto natural?

- Claro Carol! - eu disse após me vestir. Fiz os feitiços. Caroline era loira e o cabelo dela era maravilhoso¹.

- Certo, agora me deixe arrumar você. - ela disse depois que sequei o meu cabelo rapidamente. Carol fez uma trança e escolheu sobra prata para mim usar. Uma hora depois estávamos prontas.

- Eu tenho que ver os meu meninos. E conferir as coisas para a festa. Já são oito horas e queremos começar às dez. Te encontro lá? - perguntei e ela assentiu. Deixei as minhas coisas no dormitório feminino e fui para o dos marotos.

- Você está gostoso, Six. Você também, Rem. - eu disse assim que entrei no quarto. - A Alice vai demorar um pouco, Frank. - avisei ao ver que ele já estava pronto. - Jay está no banho?

- Sim. - respondeu Sirius. - Vamos lá checar tudo?

Eu e Remus assentimos e nos dirigimos ao campo de Quadribol. Tínhamos posto uma tenda e a decoração tinha sido escolhida por mim e Sirius, algo envolvendo preto e vermelho. Os elfos iriam entregar a comida pontualmente às onze e as bebidas estavam geladas. Tinha um grupo de garotos corvinais do quarto ano que iriam servir de barmen. O DJ era do sétimo ano, Corvinal também, ele estava ficando com a Caroline.

- Hmm, acho que está tudo certo. - eu disse. - Todos estão convidados, então fiquem de olho nos Sonserinos, Malfoy está louco para arruinar a festa.

Sirius assentiu. Já ia em direção à saída quando os meninos me chamaram.

- Ei Lily! - disse Sirius. - Você está linda! - sorri.

- Cuidado com os garotos. Não queremos ninguém perto da nossa ruiva. - avisou Remus. Super protetores.

~~.~~

Tudo perfeito. Todo mundo já tinha chego. A festa estava ótima. Vi Remus e Isa conversando num canto. James e Madison estão se agarrando por aí. Sirius deu um fora na Lufa-Lufa de antes e agora estava com uma Grifinória. Quinto ano, eu acho.

- Wisky de fogo. Triplo. - pedi no bar.

- Bebendo, Lily? - disse Amus, parando ao meu lado.

- Pois é, não estou muito animada. - respondi acenando para o barmen completar meu copo.

- Dance comigo, Srta. Evans. - pediu-me galante estendendo a mão.

Veja bem, normalmente eu não aceitaria. Mas depois de três doses de wisky de fogo... Que mal faria?

- Vamos ver se você sabe mesmo dançar, Amus Diggory. - eu disse pegando a mão dele.

~~.~~

Estava divertido dançar com Amus. Ele não é tão ruim quando fica quieto.

Vi James beijando a Madison. Ele parecia feliz. Sirius dispensou a Lufa do armário de vassouras. Remus sumiu com Isa já faz um bom tempo.

Diggory colou seu corpo no meu. OPA! Eu não dei intimidade para isso!

- Amus. - pedi, desconfortavel. Mas Diggory simplismente me agarrou.

COMO ELE OUSA ME AGARRAR! E maldito Quadribol que me impede de me soltar apesar dos meus esforços. Mordi sua língua e gritei. Mas nem assim o bastardo me soltou.

Até que vi um punho acertar o rosto de Diggory. James! Oh, droga. Meus pulsos e braços doiam onde Diggory tinha apertado e minha cabeça girava um pouco por conta do wisky.

- Lily? - James chamou, colocando a mão na minha testa. - Merlim, Lils, você está fervendo.

- Me tire daqui, Jay. - pedi, não aguentando mais aquele lugar.

- Não se preocupe, Lil. Vou cuidar de você.

Senti James me pegar nos braços e adormeci no meu porto seguro e aconchegante.

~~.~~

Cara, eu amo vocês, sério. Obrigada por não me abandonarem. Prometo que vou tentar tomar vergonha na cara e postar regularmente daqui para frente. É que os meus bloqueios criativos são muito frustrantes! Enfim, reviews!

Juju Evans: cara, adoro suas reviews, elas são muito incentivantes! Hahaha, obrigada. Beijos.

Gina Harry Potter: loira curiosa? Sei como é, hahahahhaha, aqui está. Obrigada.

Leeah Leeticia: Aqui está! Obrigada!

DudaProngs: Mais um capítulo para você!

Atena's Daughter: Obrigada, aqui está! Beijos.

Até breve... ou não.