Oi gente! Essa é uma historinha que eu escrevi pra postar no blog Fiks de Forks, mas como não tinha perfil nem aqui nem no NYAH! Na época, só estou postando agora! Espero que gostem!

Disclaimer: Essa história pertence a mim, e surgiu da minha cabecinha louca! Mas a personagem pertence a Stephenie Meyer!

Eu abri os olhos.

Não sabia o que era, em o que havia me transformado, mas eu tinha certeza de que aquela garotinha não existia mais.

Eu conseguia ouvir o canto de uma andorinha 3 km ao sul. Conseguia sentir meu corpo diferente, mais leve, mas ao mesmo tempo forte. E principalmente eu conseguia sentir minha garganta arranhando, como se houvessem colocado uma faca afiada lá dentro. Eu sentia uma necessidade imensa de beber algo, mas não sabia que algo era esse.

O medo me dominava. Eu me sentia como se um pedaço de mim tivesse sido arrancado. Não me lembrava de nada. O que sequer que eu era, era estranho. Diferente. Para mim esse era o início de uma nova vida. O começo de uma luta. Uma luta que iria se propagar por minha vida.

Foi quando os ouvi. E logo em seguida eu os vi. Garotos. Me cheiravam muito bem. Estavam vindo em minha direção a uns 2 km ao leste. Procuravam por sua irmã desaparecida. Como consegui vê-los? Não me pergunte.

Não consegui resistir à tentação. Quando dei por mim, eu estava enterrando seus corpos junto a um córrego. Outra visão veio até mim.

Quem eu era? O que eu era? Por que eu tinha que ser assim? Não sabia. Apenas me ocorreu que meu nome era Alice. Mary Alice.

E com essa certeza fugi. Fugi deixando a marca de meus novos olhos vermelhos no escuro aterrorizante.

E aí? Gostaram? Odiaram?

Eu sei que ela é BEEEM curta, mas é porque eu tive a ideia quando estava na escola e acabei não querendo enrolar nela. Então isso surgiu, em menos de cinco minutos!

Antes que perguntem, os meninos que a Alice matou estavam procurando a irmã deles e essa não é a Ali, e sim, outra pessoa, ok!

Enfim, não importa o que acharam, deixem reviews, que vão me deixar muito feliz!

Beijos

Vic! =]