O tempo estava ensolarado em Suna e as coisas entre Sakura e Gaara também. Sakura foi a Suna para um missão a qual não sabia os detalhes onde pelo o que sabia teria que entregar o kazekage o pergaminho explicando tudo e só ele explicaria para si.

Dento do escritório Sakura que entregou o pergaminho ao próprio Gaara que ao ler o que continha ali no se surpreendeu, mas ficou meio receoso com as possíveis reações de Sakura.

O bilhete dizia assim:

AO KAZEKAGE DA VILA DA AREIA SABBAKU NO GAARA,

CARO KAZEKAGE DA VILA DA AREIA,OFICIALIZO A UNIAO DAS DUAS GRANDES VILAS POR MEIO DO MATRIMONIO DE SABBAKU NO GAARA E HARUNO SAKURA.

A HOKAGE DA VILA DA FOLHA TSUNABE.

Após ler o bilhete Gaara deu um suspiro e tratou de explicar a Sakura,sabia que não ia ser fácil mais faria pois realmente gostava...ou melhor AMAVA que pensou isso arregalou os olhos pois não era acostumado a admitir nada e muito menos de demonstrar sentimentalismo justamente o oposto de Sakura,resolveu então deixar este pensamento de lado e se concentrar na garota sentada a sua frente e falou:

-Sakura...direi a você a sua missão logo após de você mesmo ler o pergaminho...-entregou a ela que ficou olhando para ele-...leia!.

Gaara viu sakura passar os olhos rapidamente no papel e esperou sua reação que não tardou a vir.

-COMO É QUE É?...EU NÃO ACEITEI NADA!.

-Sakura...Sakura eu posso explicar mais você terá de acalmar...-continuou a falar quando viu ela respirar fundo e se recompor- sei que parece estranho mais Tsunabe escolheu alguém de sua máxima confiança,ou seja você...e eu tenho certeza que antes dela mandar você m qualquer missão ela deve ter mencionado isso...e só estamos nos ajudando mutuamente contra a organização akatsuki que esta nos ameçando...

-eu sei...eu so me senti traída...mais acho que Tsunabe shinsou fez isso por que sabe dos meus sentimentos...

-como assim?!

Sakura ficou sem graça e sem coragem de dizer a Gaara os seus sentimentos ate então confusos,mas movida de uma coragem que sabia não sabia que tinha disse:

-eu...eu-eu—eu-e-u...gosto de você!

-horas Sakura eu também gosto de voce!-disse Gaara não entendendo Sakura.

-NÃO!...voce não entendeu...eu amo você!-logo que disse isso saiu correndo com medo de ser rejeitada novamente perante ao súbito silencio de Gaara.

Sakura aos prantos, repetiu para si mesma "Deu tudo errado".

Ainda assimilando as idéias Gaara vira o amor de sua vida partir de seu escritorio.

Burro! Xingou-se várias vezes.

Passara a vida toda pedindo por isso, e quando finalmente acontecia ele a deixava escapar? Levantou-se

rapidamente e saiu tentando adivinhar a direção que ela correra.

E logo então começou a seguir os rastos de Sakura.

Eu te amo minha flor...Você não sabe o quanto. Não vou deixar você fugir de mim." Disse Gaara para si mesmo enquanto corria seguindo os rastos de sua amada.

Logo a encontrou debaixo de uma arvore de cerejeira a beira do rio e disse:

- Por que você fugiu assim? Você não me deu tempo de reagir.

Sakura disse:

-eu já entendi a resposta

-Como poderia ter entendido? ... Você nem me deixou explicar.

-E antes que você diga algo eu preciso dizer...EU TE AMO...mais eu não conseguia te dizer por diversos motivos...

-Perai...o que você disse?

-e isso que você escutou eu te amo...e nada me faria mais feliz se você aceitasse se casar comigo...

-isso é um pedido?!

-bom é...

-entao sim!-dito isso enlaçou Gaara pelo pescoço e lhe deu o primeiro beijo do inicio de suas vidas...

-N/A

*EM PRIMEIRO LUGAR:ME DESCULPE PELO ATRASO E FELIZ ANIVERSARIO!

*EM SEGUNDO:EU ESPERO QUE GOSTE E APROVEITE ESSE HUMILDE PRESENTE QUE FOI FEITO DE CORAÇAO!BEIJOS..

ANDRESSA LI KINOMOTO ANIMYA.